3 de novembro de 2006

Já passou um ano!!







Pois é, foi um ano de grandes emoções...

- Dois programas de televisão no ar
- Duas campanhas vitoriosas
- Muitos funanás dançados
- Alguns litros de grogue
- Centenas de milhas voadas
- Milhares de mergulhos no mar
- Uns quantos quilos de cachupa
- 5000 viewers do blog
- Um casamento pelo meio
- E, (infelizmente) um funeral- o do saudoso Marquês.

4 comentários:

Anónimo disse...

Sem a mínima dúvida!!! Um ano incrível e que será, para sempre inesquecível. Tanto aconteceu e tanto mudou nesses meses de Nha Terra, Nha Cretcheu. O pior (ou será o melhor??) de tudo ( e eu já temia isso) é que esses meses mudaram toda a minha forma de ser e de pensar.
Obrigado Cabo verde!!!! Simplesmente um ano genial e tcheu sabi!
As saudades aumentam de dia para dia, e a nostalgia conquistou-me neste dia 4 de Novembro.
A todos, mas mesmo a todos, m'tenne tcheu sodadi di bu.
O funeral (infelizmente) teve lugar mas alguns "seres" mesmo não estando cá, acompanham-nos sempre.
Obrigad a todos. Muitas saudades e... ATÉ BREVE (espero eu...)
Beijos achocolatados de um Filipino gigante!

RAFEIRA disse...

Beijos Filipino. Aqui as coisas continuam intensas, sabes como é...

vais ver que na áfrica continental as experiências vão ser ainda mais incríveis. Nessa altura não te esqueças, estamos juntos, sempre dando apoio moral. Não desanimes. E aproveita as paródias, propri sabi, com o Pedrito.

Jorge Alves disse...

Xiii!!! Não se faz. O Marquês morreu, foi enterrado e nem um postezito de homenagem mereceu!!Ingratos, é o que vocês são. Mesmo assim, fiquem bem.

Pedro disse...

guardo algumas imagens vossas: nos Mosteiros, onde vos conheci; em cima de um barco entre a Brava e o Fogo; na Vila do Maio, com um garrafão de grogue da Figueira na mão a percorrer as ruas do burgo e sentados na praia; em São Filipe, com o Gil Semedo a gritar o Nos Lider; na tasca do sporting na Achada Grande de Trás, com a moreia frita a besuntar-nos as mãos e a boca; no Tabanka Mar, a dançar feito patos, encharcados em grogue e superbock; na minha despedida na rua da Madragoa, Praia Maria... Um abraço a todos desde Luanda. Cá te espero Fanecs man.